GESTANTES

Esperando um irmão

A gravidez é uma experiência única e especial na vida do casal,mas principalmente para a mulher, que sente o bebê crescendo e mexendo dentro dela. Nesses meses de gravidez,inicia-se o sentimento de ser mãe, quando nos tornamos responsável por uma outra pessoa, cuja existência depende da nossa vontade.

A formação e desenvolvimento adequados do bebê dependem de uma alimentação saudável e um aumento de peso adequados.

As mães que acabam comendo por 2 ou 3, engordando além do recomendado, apresentam um risco maior para a hipertensão e diabetes gestacionais, podendo levar a antecipação do parto e todos os riscos de um bebê prematuro. Por outro lado, as mães que fazem “dieta”durante a gestação, por medo de engordar, podem não nutrir adequadamente o bebê, prejudicando o seu desenvolvimento.

Alimentação na gravidez

A alimentação na gravidez não difere muito da no período normal, deve ser equilibrada, balanceada, com muitas frutas, legumes e verduras, evitando doces e frituras. O consumo de alimentos integrais e peixes devem ser regulares. O cálcio é importante para o desenvolvimento ósseo e na prevenção de osteoporose na mulher.

A grávida tende a ter anemia, então devemos aumentar a ingestão de ferro. Além disso, alguns estudos mostram que o uso de ômega 3, previnem hipertensão e diabetes gestacionais, e a depressão pós-parto, podendo ser orientado na gestação.


Toda a alimentação adequada é uma demonstração de carinho e responsabilidade de mãe para com o seu bebê, e com ela mesma. O aumento excessivo de peso aumenta a chance de estrias, de inchaço e de dores lombares e articulares.

Maternidade
Mãe e bebê exercitar

Pós o parto

Além disso, após o parto, a amamentação auxilia na perda de peso, porém se você aumentou muito de peso, será difícil de perder esse excesso, gerando muita ansiedade e frustação.

Ressaltamos, ainda, a importância da atividade física durante a gravidez, que comprovadamente, só traz benefícios, para quem já prática, devemos apenas adequar os exercícios. E, para quem, nunca praticou, é um bom momento para começar, será benéfico para você e para o bebê.

Procure profissionais adequados para orientá-la nesse período tão especial da sua vida, assim você evitará os problemas, ficando apenas com a parte feliz da gestação.